Trump ameaça cortar ajuda a refugiados palestinos

Manifestação de apoio ao povo palestino em 15 de dezembro                  REUTERS  Ammar Awad

Manifestação de apoio ao povo palestino em 15 de dezembro REUTERS Ammar Awad

"Jerusalém é a eterna capital do Estado da Palestina e não está à venda por ouro ou mil milhões", disse à Agência France Presse (AFP) Nabil Abu Rudeina, porta-voz da presidência, em referência à recusa palestiniana de retomar as negociações após o reconhecimento por Washington da Cidade Santa como a capital de Israel.

A decisão de Trump provocou uma onda global de indignação e protesto.

- Não cederemos à chantagem - disse Hanan Ashrawi, membro do comitê executivo da Organização de Libertação da Palestina (OLP).

CVS: "No plans to relocate Aetna"
New York City Mayor Bill de Blasio's administration canceled the package because Aetna's relocation efforts are stagnant. The planned move was put on hold after CVS's December announcement that it would buy Aetna for $69 billion.

"Se os palestinos não querem seguir falando sobre a paz, por que deveríamos continuar realizando estes enormes pagamentos no futuro?", questionou Trump através de uma mensagem no Twitter. Agora, eles não vêm para a mesa mas pedem apoios. A este valor se somam 304 milhões concedidos por programas das Nações Unidos aos territórios palestinos.

Donald Trump também afirmou que pretende estudar o cancelamento das verbas de ajuda enviadas pelos Estados Unidos a países que acenam com a possibilidade de colaboração em áreas específicas, mas no final, adotam postura contrária, como no caso do Paquistão e o combate ao terrorismo. Segundo o presidente norte-americano, o seu país não recebe "nem reconhecimento nem respeito" pela ajuda.

Estamos lidando com um presidente que diz o que pensa de forma clara, afirmou Miri Regev, ministro da Cultura e Esportes, na rádio militar. Além disso, sublinhou que Washington não tem recebido "qualquer estima ou respeito" em troca dessa ajuda externa.

Two teen murder suspects from Texas arrested in Ansonia
January 1 and found 22-year-old James Outlaw II, 22, of Missouri City, Texas, dead in a breezeway at the complex. The girl was taken to Juvenile Detention and held for extradition to Texas.

A verdade é que os Estados Unidos não têm motivos para financiar aqueles que agem contra seus interesses, afirmou Bennett em um comunicado. Tirámos Jerusalém da mesa, a parte mais difícil da negociação, mas Israel, por causa disso, terá de pagar mais.

Em 21 de dezembro, a Assembleia Geral da ONU aprovou por ampla maioria (128 votos a favor, 9 contra e 35 abstenções) uma resolução de condenação à decisão de Trump, um voto que despertou a ira da Casa Branca.

Desde a criação de Israel em 1948, a comunidade internacional considera que o estatuto de Jerusalém deve ser negociado entre israelenses e palestinos. "Ao reconhecer Jerusalém ocupada como capital de Israel, Trump não só violou a lei internacional, como destruiu as bases da paz, aceitando a anexação ilegal da cidade por Israel", sustentou.

Indians, Cody Allen avoid arbitration
Earlier this week, Cleveland also avoided arbitration with closer Cody Allen , agreeing to a one-year, $10.575 million contract. Salazar , who is coming off an inconsistent and injury-slowed 2017, will make $5 million next season.

Últimas notícias